um bebê, deitado de bruços com as mãos de um adulto massageando as suas costas, com os dizeres: Saiba como aliviar a cólica do bebê

Saiba como aliviar a cólica do bebê

Data de publicação: 22/05/2019 12:00:00
Categoria: Pediatria

É comum que as cólicas sejam causa de choro, incômodo e noites mal dormidas em bebês até cerca dos cinco meses. Nesse período o sistema digestivo da criança ainda não está completamente desenvolvido e a formação de gases pode levar a dores e desconforto.

Além disso, outros fatores como a sensibilidade ao leite materno, excesso ou carência de alimentação, dificuldades para arrotar e problemas de digestão podem causar as cólicas. Nos momentos em que as crises acontecem, os bebês ficam muito incomodados e choram até que a dor passe. Por isso, listamos algumas maneiras de acalmar o neném e aliviar as cólicas.

Deitar o bebê de barriga para baixo
Deitar a criança de barriga para baixo, em contato com a barriga ou colo de seu cuidador, que pode lhe fazer uma massagem leve nas costas, pode ajudar a aliviar as cólicas. Deve-se ter o cuidado de deitar o bebê nesta posição apenas quando ele estiver acordado ou supervisionado.

Enrolar o bebê em tecido suave e com elasticidade, imobilizando-o e pressionando-o junto ao corpo é uma forma de acalmar o bebê e transferir calor para a região da barriga, aliviando as cólicas e diminuindo o estresse da criança.

Após a alimentação, carregar o bebê em pé ajuda a evitar refluxo de leite, problema que pode causar azia e cólicas. Em casos de crianças que já apresentam problemas com refluxo, deve-se evitar deitá-las de costas após a alimentação.

Caso o bebê não esteja mais sendo amamentado com leite materno, as cólicas podem ser uma consequência de intolerância ou sensibilidade à fórmula usada na alimentação. É importante estar atento às reações do neném após a alimentação para identificar possíveis alergias ou intolerâncias.

Outra opção para acalmar os bebês é o banho de balde. Nessa técnica, o bebê é submerso em um balde com água até o pescoço, enquanto enrolado em uma fralda. É importante destacar que o bebê não deve ser deixado sozinho, que o cuidador deve sempre dar suporte à cabeça da criança, que a água não pode estar muito quente e que recipientes usados na limpeza da casa jamais devem ser usados neste tipo de banho.

A massagem na barriga, no sentido horário, pode ajudar o bebê a liberar gases. A movimentação das pernas, como um exercício de bicicleta, também pode ser eficiente e ajudar a solucionar essa causa da cólica.

É importante ressaltar que a melhor alimentação para o bebê é o leite materno. De acordo com a recomendação da Organização Mundial da Saúde, ele deve ser o alimento exclusivo da criança até os seis meses de idade. Além de ser uma forma de passar anticorpos da mãe para o neném, protegendo-o, o leite materno é o alimento mais compatível com o sistema digestivo do pequeno nessa idade.

Fontes

Tradutora e redatora: Daniela Souza
Revisora: Paula Ávila
Designer: Raphael Alpoim
Diretor técnico: Geraldo Majella

  • Gostou? Compartilhe: